Conheça quais são os maiores motivos de pedidos de demissão

Compartilhe nas redes!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email

O Brasil vive um período de grande crise financeira, que apenas se intensificou desde o início da pandemia. Mesmo com a alta taxa de desemprego e o grande número de demissões, dados divulgados pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) apontam que 51% das pessoas que perderam seus empregos no segundo trimestre de 2021 decidiram se desvincular da empresa por conta própria. O perfil predominante é o de profissionais na faixa dos 25 anos, com ensino superior completo, e funcionários do setor privado.

Esse não é um fenômeno exclusivo do Brasil. Nos Estados Unidos, somente em janeiro 4,3 milhões de trabalhadores deixaram seus empregos de forma voluntária, segundo informações divulgadas pelo Departamento de Trabalho dos EUA. 53% das empresas locais afirmaram estar sofrendo uma rotatividade maior, devido ao aumento de pedidos de demissão. Acredita-se que a pandemia aumentou a conscientização sobre autocuidado, especialmente se tratando de saúde mental, algo que foi determinante para elevar esse índice.

Confira quais são os principais motivos que levam as pessoas a pedirem demissão de seus empregos:

Falta de reconhecimento

Boa parte dos colaboradores que são formados buscam um plano de carreira na empresa onde trabalham, ou seja, almejam promoções e crescimento profissional. Quando a empresa não aborda esse assunto com clareza ou não abre espaço para o diálogo, a tendência é que os funcionários acabem buscando oportunidades melhores em outros lugares.

Salário baixo

A maioria dos trabalhadores trabalha pela remuneração, e não por amor ao que faz. Quando a empresa não oferece salários compatíveis com o mercado ou uma boa seleção de benefícios, não demora muito para que os colaboradores comecem a se sentir desmotivados e insatisfeitos.

O fator financeiro é um problema que afeta diretamente o desempenho e a saúde mental das pessoas. A partir do momento que os funcionários precisam fazer uma renegociação de dívidas e passam por dificuldades, a tendência é que eles procurem por novas oportunidades no mercado de trabalho.

Falta de comunicação

Indo além de um bom salário e plano de carreira, hoje em dia, as pessoas estão valorizando muito mais um ambiente de trabalho saudável e mais aberto, onde os colaboradores possam se expressar e conversar com seus superiores com certa facilidade.

Empresas pouco transparentes e que dificultam essa comunicação tendem a perder funcionários com mais frequência. Quando isso se combina com os outros dois motivos apresentados, as chances são muito maiores.

Fonte: contadores.cnt

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no linkedin
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Posts Relacionados

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Recomendado só para você
O mês de maio, dedicado ao trabalhador, levanta a questão…
Cresta Posts Box by CP